2 de julho de 2012

A destralhar os sapatos de Inverno!

Posso ter um exame (de melhoria) amanhã, posso ainda não ter revisto nada mas o que me apeteceu realmente mesmo fazer? Destralhar. 

Entrei, então, cheia de coragem no meu quarto, e decidi virar-me para os.... sapatos!

A mudança de casa deverá concluir-se, no limite, lá para Setembro por isso, se entretanto o São Pedro não me pregar uma grande partida, depois de ter tratado da mudança dos livros, decidi voltar-me para a roupa de Inverno, começando pelo calçado. Descobri que sou dona de 20 pares de calçado de Inverno sendo, na sua grande maioria, botins... Alinhei o calçado, por tipo, cor e marca, sentei-me na cama e fiquei, simplesmente, a olhá-los. Uns 5, 10, talvez 15 minutos, e decidi então começar a arrumar cada par em seu saco para não irem a chocalhar, uns contra os outros, na mudança.

Entretanto, a minha coragem deve ter-se acobardado e deitei fora um par apenas! Umas botas castanhas de pelinho e só porque estas eram a causa de um infindável número de choques eléctricos, sem sequer pedirem qualquer tipo de licença. Traumatizaram-me mesmo. Desde então fecho as portas do carro pelo fecho interior da porta, carrego nos botões dos parques de estacionamento para retirar o ticket com uma caneta, entre outras maluqueiras que passaram a fazer parte dos meus hábitos mais frequentes. Ah! Deitei fora também dois pares de pantufas de Inverno, conta, não conta? :)

Depois, para compensar a coisa, deitei fora o casaco que me acompanhou quase todo o Inverno. Comprei-o preto e todos pensavam que era cinzento. Para além disso já tinha um ar tão roçado que nem tive coragem de juntar à roupa para doar. E porque não há duas sem três, deitei também um cachecol fora. Uma coisa horrível, aos quadrados bem grandes e verdes que, provavelmente, acreditei usar, orgulhosamente, num ano em que o Sporting ganhasse. Bem, sejamos realistas, não iria precisar dele nos próximos... 100 anos.

Ao todo, umas coisas ali, outras acolá, deitei fora dois sacos de supermercado cheios de tralha, mais um saco com uns 6 quilos de papel. E, agora sim, já se respira no meu quarto :)

Sem comentários:

Enviar um comentário

São os comentários que tornam o blogue num sítio especial. Partilha aqui a tua opinião. Obrigada!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...